1 de abril de 2014

Igreja Universal é considerada “seita” pela imprensa da Nova Zelândia por vender “azeite ungido”

Igreja Universal é considerada “seita” pela imprensa da Nova Zelândia por vender “azeite ungido”
A Igreja Universal do Reino de Deus está na mira da imprensa da Nova Zelândia, que considera a denominação fundada pelo bispo Edir Macedo uma “seita”.
Jornais e emissoras de TV têm publicado matérias investigativas sobre as práticas e bastidores da denominação, que no país é conhecida pela venda de “objetos milagrosos”, de acordo com o New Zealand Herald.
A Nova Zelândia é um país de maioria cristã, com grande número de adeptos da Igreja Anglicana, por influência da colonização britânica.
A Universal está no país desde 2005, e uma recente campanha da denominação que oferecia azeite de oliva supostamente importado de Israel e “ungido” pelos pastores, chamou a atenção da mídia. Na campanha, a igreja dizia que o azeite teria funções milagrosas, como a cura de tumores, esquizofrenia e outros problemas de saúde, além de ajudar a salvar relacionamentos.
O Herald mostrou que panfletos da Universal convidavam as pessoas para as reuniões como “uma oportunidade única para aqueles que precisam de um milagre”. O pastor Renato Fernandes, responsável pela filial que fez o anúncio, se recusou a falar com a reportagem. Já o bispo Victor Silva, líder da denominação em Auclkand, cidade mais importante da Nova Zelândia, emitiu um comunicado dizendo que o uso do azeite “é um ato de fé” que “pode ajudar no processo restaurativo”.
No entanto, as promessas de cura feitas pela Universal podem ferir leis do país, pois não existem provas médicas sobre a eficácia do azeite. Por isso, a denominação tem se precavido, colocando alertas nos panfletos para que os fiéis se consultem com médicos. “O Centro de Ajuda IURD não tem a pretensão de curar as pessoas, mas acredita que Deus pode fazer isso através do poder da fé. Siga sempre as instruções do seu médico”.
“A Igreja não tem perícia médica especializada para verificar todas as pessoas que se apresentam na igreja com uma doença. Por isso elas sempre são aconselhadas a procurar um médico de sua confiança”, disse o bispo no comunicado.
Por Tiago Chagas, para o Gospel+
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!