26 de março de 2014

O Julgamento Divino pode estar às portas



Se deixardes ao SENHOR, e servirdes a deuses estranhos, então ele se tornará, e vos fará mal, e vos consumirá, depois de vos ter feito o bem”. (Josué 24:20).

Não tenho pressa alguma em decretar a chegada do julgamento divino sobre esta humanidade pecadora e rebelde, pois tenho duas filhas, cinco netos e um bisneto; portanto, gostaria de vê-los salvos, antes desse dia tenebroso.
Mas, quando conhecemos a Bíblia e lemos sobre o julgamento de Israel e o de Sodoma e Gomorra, constatamos que o povo de Deus está mais rebelde e pecador do que os israelitas, antes da queda de Jerusalém, quando foram espalhados  pelo mundo. Os cristãos modernos  estão mais entregue à imoralidade do que os pecadores das duas cidades condenadas pelo homossexualismo.
Nosso Deus foi, aos poucos, dando uma chance de arrependimento àquelas nações pecadoras, assim como tem feito conosco, há centenas de anos, desde que a Sua Palavra nos foi entregue, a fim de não termos desculpa alguma pela nossa ignorância de Suas leis.
Algumas vezes Israel verificou que estava no caminho errado, tentou reabilitar-se, mas acabou resvalando nos mesmos pecados. (Qualquer pecado que não é confessado de imediato ao Senhor, pode transformar-se num vício, numa droga letal e ai do pecador viciado!)  
Finalmente, após repetidos ciclos de arrependimento e recaída de Israel, o Senhor enviou-lhe um castigo deveras tenebroso, atingindo homens, mulheres e crianças. (Isso pode acontecer conosco, a qualquer momento).
Sei que existem pessoas auto-justificadas, que imaginam estar livres dos castigos divinos e, por isso, nunca se submetem à obrigação de confessar os pecados e pedir clemência ao Senhor (Que leiam a 1 João 1:9).    
Quem desejaria colocar os filhos, netos e bisnetos sob uma ira escaldante?
Esta pecadora miserável tem orado,  diariamente, pedindo que Deus cuide dos seus amados, para que se convertam e se entreguem a Jesus Cristo, livrando-se da ira vindoura, antes que seja tarde demais.  
As enchentes, terremotos, furacões e doenças incuráveis são um aviso de que a paciência divina está no limite e tudo pode acontecer, num piscar de olhos. Contudo, as mentes calcinadas pela mídia e pela TV desprezam os ensinos bíblicos, preferindo deleitar-se nos prazeres mundanos, “enquanto ainda é tempo!”  
Ninguém mais castiga os filhos, pois o  Dr. Spock, uma sumidade no assunto, escreveu contra esta “prática hedionda”  e ele devia saber das coisas “muito melhor do que Deus!”  Assim os filhos  de hoje se voltam cada vez mais contra os pais, conforme lemos na 2 Timóteo 3:1-4: “SABE, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus”
Spock ensinou a não se castigarem os filhos... Mas onde estão os filhos dos pais que lhe seguiram os conselhos? Em cada geração, depois daquela de Spock, temos visto homens assassinos, molestadores de crianças, porque seus pais nunca foram ensinados a agir conforme a Palavra de Deus, mas do Dr. Spock, e“Dr.Spock sabia das coisas melhor do a Bíblia!”  
Entrementes, esses pais modernos tentam esquecer o mau comportamento dos filhos, deleitando-se nos entretenimentos, como futebol, filmes, novelas da TV, e nos prazeres sexuais, afirmando que “ninguém é de ferro!”
Quanto aos pregadores, estes amaciam a linguagem dos sermões, temendo um esvaziamento nas igrejas e nos gazofilácios!
Os muçulmanos, inimigos seculares do Cristianismo, estão de olho na decadência moral do Ocidente, prontos para dar o bote fatal. Deus vai usar esses inimigos pagãos para nos castigar, como fez algumas vezes com Israel, no passado.
Com homens como Obama, Dilma e outros pagãos no poder do Ocidente paganizado, nós já escolhemos a parte que nos caberá,  no julgamento divino. Então, vamos continuar achando que os muçulmanos são muito “bonzinhos!”, conforme os governantes idiotas têm afirmado...
Afinal, aqui no Brasil, quem iria votar num candidato realmente cristão, se estes não aparecem, temendo sercontaminados ou devorados pelos lobos da política? Só Deus para nos arrebatar, salvando-nos da desgraça que se aproxima... E que Ele se compadeça dos nossos filhos e netos, por amor de nós... Porque, nestes últimos dias, com a apostasia grassando nas igrejas, a coisa está ficando cada vez mais negra e, portanto indiscernível!
Sejamos fieis ao Senhor, porque  Ele é  um Deus “ciumento”  (Ex. 34:14). Ele não há de permitir que Sua esposa fiel seja entregue nas mãos dos estupradores espirituais.  O arrebatamento pode estar muito próximo!

Inspirado no texto “How has the judgement begun”,
do Dr.Samuel Gipp.
Adaptado por Mary Schultze, em 16/03/2014.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!