23 de outubro de 2015

Regras, Lei, pra que serve essa coisa toda?




A Lei é um Jardim, com um placa escrita, não pise na grama, a graça, é o mesmo jardim sem placas, mas com a mesma responsabilidade, de se preservar a grama.
(Autor Desconhecido)
 
As regras são aquilo que organiza e garante, durante nosso dia a dia, que todos tenham as mesmas oportunidades e o mesmo tratamento.

Regras estabelecem direitos e deveres, porém a regra em si, nada diz, mas sempre aponta para algo maior.

Se uma placa diz, que devemos andar, a no máximo 60 Km/hora, ela não está dizendo que andar a mais de 60km, é algo perigoso sempre, mas sim que naquele ponto especifico, andar acima dessa velocidade, pode trazer risco de morte.

O alvo principal dessa regra não é reduzir a velocidade em si, mas reduzir os danos que o excesso da mesma pode provocar.

A regra pode ser quebrada, tendo sua consequência, mas ela visa em suma, que os motoristas, sempre a cumpram, mesmo sem placa e que se torne um habito, para o bem deles.

A Lei de Moisés¹, representa as regras que foram dadas ao povo judeu, não para proibi-los e torna-los restritos e cativos, mas para mostrar a eles que andar acima da velocidade em alguns pontos, não era nada prudente.

Paulo diz que a Lei era o Aiô², ou o Tutor, que era alguém, que quando o pai de um menor, morria, e menino sendo muito imaturo para tomar posse da sua herança, esse Tutor cuidava do menino, administrava sua herança, ate que ele pudesse, estar em condições de decidir por si mesmo.

Aquele menino, sujeito ao seu tutor, faz tudo que ele manda, independente, de concordar ou não, mas atingindo a maioridade, ele poderia escolher por si, mas isso não altera o que é certo e o que é errado, e é ai que a maturidade entra na história.

Se o menino enxergar seu Tutor como um carrasco, e não como um guia, ele fará tudo ao contrário do que ele ensinou, assim, que ele deixar de ter autoridade sobre ele, jogando fora toda a sua herança.

Assim como eu e você reduzimos a velocidade ao ver o radar exposto, mas voltamos a acelerar quando passamos dele.

Quantas pessoas você não conhece, que vivem exatamente, o contrario de uma vida saudável, mas dizem, tanto faz se estou errado ou certo, contanto que eu escolha meu destino?

Foi isso que aconteceu a Adão no Éden³.

A Arvore do Conhecimento do Bem e do Mal, não era uma arvore que daria a Adão conhecimento do que era certo e errado, ele sabia bem o que era certo e o que era errado, pois quando perguntado pela serpente qual a razão de não poder comer daquela arvore, prontamente ele responde, que Deus havia dito, que aquilo era errado.

Deus era o Tutor, e deixou bem claro que aquela arvore faria mal.

A questão não era quais  as regras deveria seguir, mas quem ditava as regras, e a serpente convenceu Adão e Eva de que seriam mais felizes, se eles mesmos decidem o seu certo e seu errado.

Está ai toda nossa crise, a partir daquele ponto, nos tornamos nossa própria régua de medida, mas sendo cada um sua própria régua, não havia mais padrão, apenas um jogo de egos, onde vale mais meu beneficio, não importando se você será prejudicado.

Mudança drástica, numa mordida apenas, a mulher a quem Adão chamava, "carne da minha carne", ou seja parte de mim, passa a ser, a mulher que tu me deste, "a outra", ruptura, solidão, afastamento, depressão, guerras, tudo isso, por uma atitude...

O evangelho no entanto, é o caminho da consciência, é como se Deus olhasse para nós como olhou para Adão e dissesse:

- Você é livre para tocar, fazer, ir e vir, não há regras, mas há consequências pra seus atos , algumas coisas farão você sofrer, evite, saia dessas arvores, coma da arvore da vida.

Quem vive em Cristo, atingiu a maturidade, e não precisa mais de um tutor, ditando regras o tempo todo, porém tem agora sobre si a responsabilidade, de cuidar do jardim, mesmo sem as placas...

Oro para que você, não precise de regras, para ser integro, amoroso, bondoso, e que todo o bem flua de você, simplesmente porque você se fez novo em Cristo, e o ama...


¹ Deuteronômio e Levítico
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!