17 de setembro de 2013

Atirador do massacre de Washington era budista


Nos últimos tempos bicudos, terrorismo é algo - lamentavelmente - mais associado ao islamismo que a outras religiões, embora também haja quem se diga terrorista cristão.

Nesse tétrico diapasão, Aaron Alexis foi o responsável pelo massacre ocorrido ontem, 16/09/13, na capital norteamericana, no qual foi baleado e morto.

Para surpresa daqueles que - imediata e automaticamente - pensaram em terrorismo islâmico, Alexis, ao que tudo indica, não tinha qualquer vínculo com organizações extremistas religiosas, mas, para estupefação geral, era budista, segundo noticia O Globo:

Homem acusado de ataque em complexo da Marinha era budista praticante

Aaron Alexis, de 34 anos, é descrito por amigos como uma pessoa não-violenta e gentil

Ele era um funcionário terceirizado pela Hewlett-Packard (HP)

RIO — Acusado de matar pelo menos 12 pessoas em uma base da Marinha, em Washington, nesta segunda-feira, Aaron Alexis era budista praticante e é descrito por amigos como uma pessoa não-violenta e gentil. Ele serviu à Marinha como cabo entre 2007 e 2011 em Fort Worth, no estado do Texas, onde morava, e chegou a ser condecorado com medalhas relativas ao combate ao terrorismo. Alexis teria usado a identidade de um funcionário que estava de licença para invadir o local.

Alexis teria sido dispensado da Marinha devido a um “padrão de má conduta”, de acordo com uma fonte militar. Atualmente, segundo seu pai, Algernon Alexis, o suspeito trabalhava com computação em uma empresa privada. Um porta-voz da Hewlett-Packard (HP) disse à emissora CBS que o ex-militar trabalhava, como terceirizado, na rede interna da Marinha.

“Estamos profundamente tristes pelos acontecimentos trágicos de hoje, no complexo de Marinha em Washington. Nossos pensamentos e simpatias estão com todos aqueles que foram afetados. Aaron Alexis era terceirizado como contratante da HP Enterprise Services para atualização de equipamentos utilizados na Intranet da Marinha. A empresa está cooperando plenamente com a aplicação da lei, conforme solicitado.”

Scott Friedman, repórter da NBC, conversou com um ex-colega de apartamento de Alexis, que o descreveu como um homem aparentemente não-violento. Apesar disso, ele já havia sido preso em 2010 por usar uma arma de fogo dentro de casa. De acordo com o relatório da polícia, Alexis estava limpando a arma quando ela disparou acidentalmente. O tiro atingiu o teto de seu apartamento.

O colega de Alexis confirmou que o ex-funcionário tinha porte de armas, possuía uma pistola semi-automática, e costumava reclamar de contas atrasadas. Mas era pacífico e tinha aprendido tailandês em um templo em Cherry Lane.

Assim como ele, outros amigos ão acreditavam que ele era o autor do ataque. Nutpist Suthamtewakul, proprietário do restaurante tailandês Happy Bowl, conta que dividou apartamento com ele por 3 ou 4 anos. Alexis chegou a trabalhar algumas vezes no local como garçom e entregador.

- Ele era como meu irmão mais velho. Eu não acho que ele faria isso. Ele tem uma arma, mas não acho que ele é tão estúpido assim. Ele não parecia agressivo para mim.

Outro amigo conta que Alexis tinha visitado recentemente a Tailândia e foi para o Japão a trabalho, com uma empresa de tecnologia.

- Ele não é o tipo de cara que falava sobre armas ou violência - afirmou Sandy Guerra-Cline, cliente do restaurante ao jornal local “Star-Telegram“. - Minhas melhores lembranças eram dele sentado em uma das mesas do Happy Bowl tentando aprender tailandês.


Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!