26 de maio de 2013

PAPA FRANCISCO IGNORA A CRUZ E “CRIA” OUTRO CAMINHO PARA A SALVAÇÃO



VATICAN-POPE-AUDIENCETexto Original: Papa Francisco: “Todos os que fazem o bem são redimidos, até os ateus”
O papa Francisco balançou algumas mentes religiosas e ateístas ao declarar que todos foram redimidos através de Jesus, incluindo ateus.
Durante sua homilia na Missa de quarta-feira (22) em Roma, ele enfatizou a importância de “fazer o bem” como um princípio que une toda a humanidade, e uma “cultura de encontro” para apoiar a paz.
Usando um texto do evangelho de Marcos, o papa explicou como os discípulos de Jesus ficaram desapontados quando alguém fora de seu grupo estava fazendo o bem, de acordo com relatório da rádio do Vaticano.
“Eles reclamam”, disse o papa em sua homilia, porque dizem: “Se ele não é um de nós, não pode fazer o bem. Se não é do nosso grupo, não pode fazer o bem.” E Jesus os corrige: “Não o proíbam, deixem-no fazer o bem”. Os discípulos, explica o papa, “eram um pouco intolerantes”, ensimesmados na ideia de possuírem a verdade, convictos de que “aqueles que não têm a verdade não podem fazer o bem”. Isso estava errado… Jesus amplia o horizonte. Segundo o papa, “a raiz da possibilidade de fazer o bem – que todos nós temos – é a criação”.
O papa Francisco disse ainda mais em seu sermão:
“O Senhor nos criou a sua imagem e semelhança, e todos somos imagem do Senhor, e ele faz o bem e nos deu a todos esse mandamento em nossos corações: façam o bem e não o mal. Todos”. “Mas, padre, isso não é católico! Ele não pode fazer o bem.” Sim, ele pode. O Senhor redimiu a nós todos, a todos, pelo sangue de Cristo: todos nós, não apenas católicos. Todos! “Padre… os ateus também? Mesmo os ateus?” Todos! Devemos encontrar-nos fazendo o bem uns aos outros. “Mas eu sou um ateu, padre. Eu não acredito…” “Faça o bem: nos encontraremos lá.”
Respondendo à homilia do líder da igreja católica romana, o padre James Martin, S.J. escreveu em um e-mail ao The Huffington Post:
“O papa Francisco diz, mais claro que nunca, que Cristo se ofereceu como um sacrifício por todos. Essa sempre foi uma crença cristã. Você pode ver Paulo dizendo isso na primeira carta a Timóteo, ao afirmar que Jesus deu-se a si mesmo como uma “redenção por todos”. No entanto, raramente você ouve isso ser dito por católicos com tanta força, e com tão evidente alegria. E nessa época de controvérsias religiosas, é um lembrete oportuno que Deus não pode ser confinado a nossas estreitas categorias.”
É claro, nem todos os cristãos acreditam que os não-crentes serão redimidos, e as palavras do papa podem rememorar as profundas divisões da reforma protestante sobre a crença na salvação pela graça, em oposto a salvação pelas obras.
O comentário do papa também atingiu um recorde no Reddit, onde já é a segunda notícia mais compartilhada.
Publicado originalmente no Huffington Post, Via Pavablog, tradução: Walter Cruz
***
Nota do Blogueiro: Quando digo que o Papa Francisco ignora a Cruz e “cria” outro caminho para a Salvação, estou apenas ratificando a crença do sumo pontífice que enfatiza: “Faça o bem: nos encontraremos lá.”
Jesus Cristo foi claro a respeito da vida eterna.
“Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida; quem crê em Mim, ainda que esteja morto, viverá; E todo aquele que vive, e crê em Mim, nunca morrerá. Crês tu isto?” (João 11:25-26)
Mateus 7:14 diz claramente: “E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem.”
Lembre-se também que “Quem tem o Filho tem a vida; quem não tem o Filho de Deus não tem a vida.” (1Jo 5:12 BRP).
“Quem crê nEle não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus” (João 3:18).
Quando o papa fala sobre fazer o bem, é bom lembrarmos que não há quem queira o bem (Rm 3:10) e quem o faça por mérito próprio, pois nossa justiça é como um trapo de imundície diante de Deus (Is 64:6), sendo assim nossas próprias ações de bondade jamais nos salvarão – elas devem ser fruto do Amor de Deus em nós. O que nos resta compreender sobre a bondade humana em atos sociais, morais e culturais, está apenas relacionado a Graça Comum de Deus, que ainda limita a maldade e rege a humanidade concedendo a ímpios determinadas dádivas para o convívio humano, contudo neste caso, tal graça não serve para salvação eterna. Esta apresenta-se taxativamente na Bíblia como só em Cristo Jesus!
***
Antognoni Misael, na coedição do PC.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

  1. É só ler a Bíblia e verificar que a Palavra de Deus responde a mias esse ensino herético da cúpula da Igreja Católica.
    "Porque pela graça sois salvos, POR MEIO DA FÉ; e isto não vem de vós, é dom de Deus.
    NÃO VEM DAS OBRAS, para que ninguém se glorie;
    Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas."
    Efésios 2:8-10

    Luís

    ResponderExcluir

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!