10 de julho de 2016

Caso Bianca Toledo: Onde estão os pastores?

Julio Severo
Embora a mídia negue veementemente que existe uma ligação maior entre homossexualismo e pederastia (sexo entre homens e meninos), a ligação parece ter se tornado realidade na vida da estrela gospel Bianca Toledo, que se casou com um homem que ela alega não saber que era homossexual, embora muitos líderes evangélicos, inclusive eu e líderes próximos dela, já soubessem.
Felipe Heiderich e Bianca Toledo
Além de expor a ligação maior entre homossexualismo e pederastia, o caso também expõe as fraquezas das estrelas gospel que dão testemunhos miraculosos, mas ao se depararem cara a cara com pecadores cheios de opressão pesada, são “enganadas” e ficam misteriosamente impotentes em seus dons proféticos. Em vez de confrontar seu próprio problema pessoal, Bianca escolheu expô-lo mais ainda e, num último comunicado ao público, disse, de acordo com reportagemdo GospelPrime, que as igrejas evangélicas estão cheias de pastores satanistas, adúlteros e corruptos, embora isso não seja segredo para ninguém, considerando o número de pastores maçons, petistas e outros.
Enquanto ela mira sua metralhadora profética nos pastores do Brasil, os pastores que estão acima dela deveriam ser os mais responsabilizados pela situação dela.
Ela agiu muito certo ao denunciar o suposto pedófilo à polícia, mas isso não explica as outras negligências.
Se o dom de profecia dela está tão certeiro contra os pastores do Brasil, por que ela não viu os próprios problemas da casa dela? Por que enquanto viajava pelo Brasil ela deixava seu filho nas mãos de um satanista sem experimentar visões proféticas de Deus sobre o que ocorria no lar dela? Por que ela esperou o problema dela aparecer para começar a acusar os pastores?
É fato que Bianca Toledo foi ordenada pastora por outros pastores. Na fama dela, eles também se embalaram. Mas onde estavam eles quando ela tomou a decisão trágica de casar com um homossexual depois de se separar de seu primeiro marido?
Onde estavam esses pastores quando ela tomou a decisão trágica de viajar pelo Brasil para pregar e dar testemunhos sobre milagres enquanto deixava seu filho nas mãos da babá e de um homem que não era o pai biológico dele? Quem mais precisava de milagres era o filho dela, nas mãos de um homossexual supostamente pedófilo.
Embora ela tenha dito, de acordo com oGospelPrime, que quem mais está devastado nessa situação seja ela, na verdade o mais prejudicado foi o filho dela por causa das péssimas decisões dela.
Alguém que de fato ouve a voz de Deus se aproxima de um homossexual ou bruxo ou outro pecador para ser instrumento de libertação e ministração, não para levar vantagem carnal e sexual. Agora que a “pastora” escolheu expor o problema para o mundo inteiro, inclusive como ela foi ENGANADA e não sabia que seu segundo marido era homossexual, a mensagem que o mundo está recebendo é que nem pastores que ouvem a voz de Deus podem ajudar pecadores homossexuais. Só espero que essa “pastora” não acabe virando um Caio Fábio de saias, cheia de amargura, culpando a igreja por todas as más decisões da vida dela.
Alguém que ouve a voz de Deus não larga o filho pequeno nas mãos de um homossexual pedófilo.
O principal chamado pastoral da Bianca era pastorear e proteger seu filho pequeno. Por que nenhum dos pastores acima dela a ajudou a cumprir essa importante missão pastoral?
Onde estavam esses pastores para não entenderem que o segundo marido da Bianca já era conhecido como homossexual e ela foi avisada disso? Como é que nenhum deles percebeu os trejeitos óbvios dele? Como é que nenhum deles teve visão e discernimento para ver e ministrar para essa alma pecadora envolvida em homossexualismo e pedofilia?
Como é que eles deixaram Bianca e o homossexual Felipe Heiderich saírem pelo Brasil dando “exemplo” e palestras sobre casamento quando ambos não tinham nenhuma experiência de casamento cristão? Se os pastores que estão acima de Bianca precisarem de um palestrante maduro e competente, conheço um pastor em Dallas, já idoso, que tem décadas de experiência de casamento. Por que deixar uma jovem recasada, impulsiva e inexperiente falar sobre casamento saudável? Para dar oportunidade para o diabo zombar da igreja?
Talvez seja um problema de linguagem e comunicação. Parece que os pastores acima de Bianca são pastores americanos de Dallas, Texas. Eles não conseguem entender português e por isso não puderam ajudá-la? Então por que a ordenaram? Quem foi que a ordenou?
Seja como for, se eles não sabem lidar com homossexuais, satanistas e pedófilos enrustidos em seu próprio meio, por que profetizar ao mundo? Aliás, o que profetizar ao mundo? Como eles esperam ministrar para os pecadores do mundo nessas condições?
Deveriam parar de profetizar ao mundo e profetizar para si mesmos. Deveriam também cuidar de sua própria casa.
Já passou da hora de eles ordenarem Bianca como pastora de seu próprio filho.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

8 comentários:

  1. Desculpa, é a primeira vez que entro num site como esse. Li um texto cheio de preconceito e julgamentos. Pouco profundo no amor e ensinamentos bíblicos. Achei vazio, incitando ao ódio e preconceito de vários tipos. Triste ver que usam o nome de Deus para pregar sentimentos tão ruins. Eu não tenho a menor ideia de quem está certo ou errado nessa história, mas tenho certeza de que quem escreveu esse texto se acha acima de muitos nos seus julgamentos e isso não é de Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo , percebi exatamente isso... coisas nada a ver aí !

      Excluir
    2. Concordo plenamente com vc! Também percebi isso nesse texto...

      Excluir
    3. Concordo plenamente com vc! Também percebi isso nesse texto...

      Excluir
    4. Quem somos nós para julgar alguém.Não estou a favor de ninguém,só acho estranho o fato do pastor falar que tomou o medicamento rivotril.Para quem não conhece esse medicamento,é um remédio de tarcha preta.No qual só quem pode indicar esse tipo de medicamento é um psiquiatra,então essa história tem uma contradição na parte do pastor.Por que ele toma esse remédio controlado?Vamos sim orar pela vida dessa família,que Deus possa revelar realmente quem está falando a verdade.

      Excluir
    5. Quem somos nós para julgar alguém.Não estou a favor de ninguém,só acho estranho o fato do pastor falar que tomou o medicamento rivotril.Para quem não conhece esse medicamento,é um remédio de tarcha preta.No qual só quem pode indicar esse tipo de medicamento é um psiquiatra,então essa história tem uma contradição na parte do pastor.Por que ele toma esse remédio controlado?Vamos sim orar pela vida dessa família,que Deus possa revelar realmente quem está falando a verdade.

      Excluir
  2. Concordo plenamente com tudo que disse sobre esse texto !!!

    ResponderExcluir
  3. Melhor comentario que ja vi na internet.Parabens Julio!!!

    ResponderExcluir

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!