10 de setembro de 2012

O pastor e a “periguete”


 

         Antes de tudo, quero agradecer a Deus por congregar numa igreja batista, cujo pastor tem um procedimento reto, na igreja e na vida familiar. Se assim não fosse, eu já teria desistido de frequentar uma congregação, pois recebo em média 100 pp. de assuntos teológicos semanalmente, em Português e Inglês, e tenho este bom material para ler, sem precisar escutar lorotas nos púlpitos que enchem esta cidade e tantas outras, neste  imenso Brasil.

         Estou evangelizando uma amiga, que hoje veio tomar o café da tarde comigo. No meio de nossas conversas, ela me contou que conhece um pastor especializado em fazer mutretagens. Este senhor não tem a mínima dificuldade em fazer ligações clandestinas de energia elétrica; como o pai dessa amiga não aceitou o "gato", ele o amaldiçoou.

         Eu disse que maldição provinda de um tipo como este não tem valor algum. Amaldiçoado é ele, um pecador sem Cristo, agindo desonestamente, podendo ir para a cadeia, a qualquer momento. E, se não se converter, irá para o inferno, onde ficará sofrendo, eternamente.

         O Brasil está cheio de "GENTE" usando o título de pastor, os quais não conhecem nem vivem conforme os ensinos da Palavra de

 Deus. Eles pregam um evangelho tacanho, visando apenas tirar dinheiro dos membros de suas "sinagogas", os quais entram ali, escutam suas pregações durante anos e continuam pobres no conhecimento bíblico, após terem sido defraudados nos salários pelos filhos de Belial.

         Pedi que essa amiga me desse o nome e endereço da tal  "sinagoga", para eu fazer uma "visita de cortesia", junto com meu companheiro de "noitadas" evangélicas, o Atalaia. E, por falar em nisso, hoje a PIBT está completando e festejando em alto nível o seu 76º. aniversário de fundação, inaugurando o novo templo, que ficou lindo! Mas, quem disse que eu vou a essa festa? Não gosto de festas e me dou por feliz e realizada por ter colaborado, durante mais de 3 anos, com a construção do edifício. Além disso, o pregador convidado (que é considerado um dos melhores do RJ) não faz meu gênero, porque é um liberal, educado em colégio jesuíta, e ama os livros de Paul Tillich e Hans Kung! Vou preferir o último capítulo da novela global das 18 horas...

         Gosto de ir à igreja para orar e cantar hinos tradicionais, não para festejar, pois os cristãos primitivos não festejavam coisa alguma e até a Ceia do Senhor era distribuída, semanalmente, na maior simplicidade. Hoje em dia, as igrejas gostam de fazer festas, exibir peças teatrais e outras novidades, a fim de aumentar a membresia. Quando comecei a frequentar uma igreja evangélica, já havia lido o Novo Testamento umas 50 vezes. Por isso, nunca me embasei totalmente nas pregações que escuto e até fico checando na Bíblia as heresias que certos pregadores jogam no ar, orando para que eles aprendam a entregar a Palavra sem usar de subterfúgios, visando merecer os salários que recebem.

         Mais uma vez agradeço a Deus porque o pregador da nossa PIBT conhece e prega a Palavra, sem a menor ambição de faturar à custa dos membros; por isso, ele nunca exige o dízimo. Ele também não costuma se  mostrar mais santo do que os membros da congregação, tanto que, muitas vezes, tem confessado os pecados cometidos, quando ainda era jovem e não praticava corretamente a Palavra de

 Deus. Filho de um médico e de uma professora, ambos cristãos sinceros, ele cresceu num lar perfeito, para se tornar um homem de Deus. Por isso, rogo ao Senhor que ele fique muitos anos em nossa PIBT e só se aposente quando eu passar dos 90 anos e não puder mais ir à igreja. E se Jesus voltar antes disso, maravilha! Seremos arrebatados juntos para estar com Ele, nos ares.          Então, quem sabe esse "anjo da igreja" vai começar a gostar de mim, o que até hoje não conseguiu, por me achar meio perigosa? A verdade é que eu me considero uma "periguete"; mas, somente quando se trata dos maus pastores e, nesse caso, o da PIBT não precisa temer a minha "língua viperina"!

 

Mary Schultze, 07/09/2012 – maryonlybible.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!