10 de junho de 2015

Superpop debate casamento gay e pastor afirma: “Amor não é libertinagem”; Assista

Superpop debate casamento gay e pastor afirma: “Amor não é libertinagem”; Assista
Pastor Bruno dos Santos ao lado de Luciana Gimenez e padre Beto
As questões envolvendo o casamento gay a partir da ótica cristã não são unanimidade entre líderes religiosos. Na última semana, o programa Superpop, apresentado por Luciana Gimenez na RedeTV! abordou a questão entrevistando dois padres e um pastor evangélico.
Durante o debate, o pastor Bruno dos Santos expôs o motivo de as igrejas evangélicas se manifestarem contra a relação homossexual e o casamento entre pessoas do mesmo sexo.
Após o programa, Santos comentou que existe uma diferença entre o que se propaga na mídia como sendo amor e o que o cristianismo prega sobre amor.
“Há uma ênfase de um discurso liberal colocado na mídia, que se baseia no ‘amai-vos uns aos outros’. Mas Jesus não disse apenas isso. Ele diz ‘amai-vos uns aos outros, conforme eu vos amei’ [João 13:34]. Ou seja, há um posicionamento com relação a este amor. Não é um amor no qual tudo pode, tudo é permitido, ou como as pessoas gostam de dizer ‘incondicional’. Não! Existem pré-requisitos. Há uma expectativa de Deus de que a gente dê uma resposta positiva a este amor. Esta resposta positiva é o que a teologia chama de conversão, e conversão é mudança de caminho, mudança de direção. Obviamente, se não há uma mudança integral em mim, eu não posso me considerar uma pessoa convertida. A resposta positiva a este amor é isso. Achar que no amor pode tudo, todas as coisas são permitidas não está certo. Isto não é amor, é libertinagem”, afirmou Santos, comentando sua participação no programa, entrevista ao Guia-me.
Além de Bruno dos Santos, o programa também convidou o padre Beto, defensor do casamento gay e excomungado da Igreja Católica, o padre Marcos de Miranda (diocese de Santo Amaro), Débora Rodrigues (apresentadora e piloto de Fórmula Truck) e os jornalistas Felipeh Campos e Simone Garuti.


Além do casamento gay, o debate tratou sobre questões ligadas ao celibato, aborto, e direitos da mulher, em geral. Assista:
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!