6 de agosto de 2012

Vídeo: Reportagem do Fantástico sobre homofobia mostra gay afirmando que pai cristão fez oração para Deus mata-lo.


Vídeo: Reportagem do Fantástico sobre homofobia mostra gay afirmando que pai cristão fez oração para Deus mata-lo. Assista na íntegra

Neste domingo, 05 de agosto de 2012, o Fantástico exibiu uma reportagem sobre homofobia que gerou bastante polêmica. O começo da reportagem fala sobre violência contra gays principalmente vindas da família.
Antes da reportagem sobre homofobia o Fantástico exibiu uma matéria sobre cirurgia de trocas de sexo, onde apresentaram diversos gay que fizeram cirurgias e um psicólogo que afirmou que os homossexuais dizem que são um “erro de Deus”, que nasceram assim e que gostariam de mudar de sexo.
Utilizando-se de dados do relatório da Secretaria Nacional dos Direitos Humanos de 2011 e dos depoimentos dados em um telefone disponibilizado pela Globo para ouvir relatos de homossexuais, o Fantástico exibiu a pequena reportagem sobre homofobia afirmando ter gravado cerca 50 relatos em 24 horas. Em um dos relatos um gay afirmou que “durante três ou quatro anos foram violências constantes. Surras, meu pai me jogava no chão e batia com os dois pés em cima de mim”, segundo ele “meu pai falava que ia orar para Deus me matar, para Deus me levar porque ele não queria ter filho homossexual”.
Embora reportagem fosse sobre homofobia na família, nem todos os relatos apresentados tinha agressões físicas, algumas eram apenas sobre pais não aceitavam que os filhos fossem homossexuais.“Eu vejo meus primos crescendo, meus primos levando as suas respectivas namoradas pra um encontro de família e eu não poder levar a minha”, disse uma lésbica.
Segundo os dados do relatório da Secretaria Nacional dos Direitos Humanos a maioria das agressões são das mães. Segundo Edith Modesto, presidente do Grupo de Pais de Homossexuais, “um deles [homossexuais] me falou e eu nunca mais me esqueci. Ele falou ‘Edith, para o meu maior amigo eu já contei, porque se eu perder o meu amigo, eu posso arrumar outro. Mas se a mãe não me quiser mais, como eu vou fazer?’”, conta Edith.
Na internet diversos homossexuais reclamaram o tempo da reportagem exibida pelo Fantástico, enquanto cristãos faziam comentários contra a homofobia e a “cristofobia”.

Vídeo: assista a reportagem do Fantástico sobre homofobia na íntegra

 http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=zg1P8A_hPhY

 Fonte: http://noticias.gospelmais.com.br/video-reportagem-fantastico-sobre-homofobia-assista-integra-40827.html

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

4 comentários:

  1. Essa matéria nada mais é que uma forma de fazer a população (o povão), aceitar com mais naturalidade o homossexualismo e tudo de errado que existe nesse comportamento. A Globo usa a sua revista eletrônica o Fantástico para influenciar as pessoas, e de uma forma ou de outra acaba sendo uma formadora de opinião, portanto se aproveita disso para impor a sociedade o que mais existe no meio artístico e coitado de quem disser que isso não é normal, principalmente se for do meio evangélico.

    Luis

    ResponderExcluir
  2. O exemplo vem da igreja,conheço muitos que foram expulsos das suas congregações, independente da religião.Então imagine como é na família.
    Portanto cabe a igreja preparar a família no sentido de lidar com o prolema.
    O infeliz comentário "Embora reportagem fosse sobre homofobia na família, nem todos os relatos apresentados tinha agressões físicas" percebe a falta do amor, quer dizer que a violência tem que ser física..a pior dor é quando o filho é expulso da sua casa e da sua igreja.
    Portanto,não vamos ficar criticando e sim como aceitar e que formar proceder...

    ResponderExcluir
  3. "Embora reportagem fosse sobre homofobia na família, nem todos os relatos apresentados tinha agressões físicas"
    Demonstra a ignorância em esclarecer estes tipos de problemas,a expulsão de um filho de casa ou da igreja é de extrema violência.
    Portanto é necessário preparar a família como a igreja para que o filho pródigo não se perca mais do que esta perdido.

    ResponderExcluir
  4. Ação democrática legítima (a de afirmar que os homossexuais são perseguidos) de pessoas de grande habilidade de Mídia; a qual cito no Blog que vou sugerir no seguimento para conhecimento e avaliação.
    Quando digo grande habilidade no saber como tratar Notícias e Informações; isto decorre do fato da maneira ruidosa e coerente como conseguem transformar um fato (lamentável é claro) em um factóide (fato maximizado, ampliado acima da sua real razão de ser) de grande repercussão, como é feito diversas vezes que ocorre algum tipo de agressão a homossexuais; cujos números estão muito aquém das agressões contra a mulher e as mútuas entre torcedores, pelo fato fútil de serem torcedores de Times diferentes... Comento isto aqui como elogio à forma inteligente como os homossexuais trabalham os Meios de Comunicação, reproduzindo aqui e ali elementos de Merchandising para aprovar o PLC 122.
    É estranho e difícil para eu entender como os homossexuais e a Mídia que têm dentro da sua comunidade ─ hoje e no decorrer da história ─ pessoas inteligentes semelhantes aos filósofos gregos homossexuais: o grande retórico Lísias e o inteligentíssimo Aristófanes, autor do Mito do Andrógino, ver, obra O Banquete da Platão ─; também artistas, intelectuais, pessoas de várias formações acadêmicas e principalmente as da área das Letras; não atentem para o que chamo de estupidez lingüística, que é o chavão acusativo HOMOFÓBICO (de homo-fobia), sabendo-se que homo (latim, homem), homo (grego; igual, semelhante; que é usado em homofobia) e fobia (grego, φόβος ─ medo com decorrente ação retro-ativa de fugir). Do que se conclui que: ao chamarmos alguém de homofóbico estaremos dizendo exatamente ser aquele que tem o sentimento de medo (fobia) a vítima desse (o criminoso no exato entendimento do termo) que lhe infunde medo.
    Não tenho nada absolutamente nada contra os reais direitos dos homossexuais; entretanto tenho tudo contra O PLC 122 OU A DITA LEI HOMOFÓBICA (este é o título do meu Blog), cujo endereço é www.verdaderespeitoejustica.blogspot.com , no qual, demonstro ser esta lei, não aquilo que defende os direitos dos homossexuais e sim, um odioso instrumento de Censura. Leia também o Blog O QUE É O PLANO LGBT?, endereço  www.direitoshumanosrespeitoejustica.blogspot.com .
    P.S.: Apenas para reforçar como lembrete e gerar interesse ou curiosidade com relação ao Blog citado. CLAUSTRO + FOBIA, FOTO + FOBIA e algumas outras fobias têm plena assertiva nas suas construções, pelo fato óbvio de que quem está enclausurado ou diante de uma forte luz, desesperadamente busca fugir. O que aconteceu com as pessoas que têm conhecimento lingüístico? E o bom senso, o que foi feito dele (no não haver cuidado com o que se escreve e veicula), quando se mantêm o absurdo chavão chamado HOMOFOBIA, que é exatamente contra aquilo que se quer defender?.. Obrigado e parabéns pela dignidade democrática de respeitar opiniões.
    Atenciosamente JORGE VIDAL

    ResponderExcluir

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!