10 de dezembro de 2011

Quer conhecer uma pessoa, dê poder a ela. E isso serve no meio dos crentes também



Vejo, com muito pesar, o que vem acontecendo com algumas ditas igrejas evangélicas, que de Evangelho tem muito pouco. Literalmente, evangelho significa "boa mensagem", "boa notícia" ou "boas-novas", derivando da palavra grega ευαγγέλιονeuangelion (eu, bom, -angelion, mensagem).

Tomados pela insanidade do poder, alguns deixam a glória da cruz para se promoverem, deixando o Cristo que traz salvação bem longe de seus púlpitos, pois a real intenção não é que o nome dEle apareça, e sim o nome desse ou aquele líder.

A guerra pelo poder está se tornando mais acirrada a cada dia. É uma disputa por quem faz o maior número de milagres que não passa de chocarrices deliram pessoas cegas que não conseguem ver a radiante e longínqua, mas verdadeira Estrela da Manhã.  Seus líderes não querem que percebam esta Estrela, pois, fatidicamente, quando perceberem, suas estrelas ofuscarão e cairão em descrédito. É isso o que está acontecendo com muitos por aí.

O apostolo Paulo já advertia a igreja de Colossos: “Não permitam que outros lhes estraguem a fé e a alegria com suas filosofias, suas soluções erradas e superficiais baseadas em idéias e pensamentos humanos, em lugar daquilo que Cristo disse.” (Cl 2.8). Logo, o que estamos vendo não é novo, mas sim os homens são diferentes.

Muitos já não se contentam o título adquirido e inventam novos títulos, novas unções e tantas novidades que nem acaba de desaparecer uma, inventam outra. É ano disso, ano daquilo, e logo as pessoas vão se apegando a isso como se apega a verdadeiros ídolos. Falam mal de outras religiões, mas em que estão diferentes, se fazem as mesmas coisas?

A resposta pode ser bem simples: estão tomados da Síndrome de Lúcifer, mas não percebem, acham que estão corretos e querem que os outros também achem correto aquilo que fazem. Quando os outros discordam, estão “possuídos”, e os nomes que dão são os mais variados.

Hoje, infelizmente, está difícil querer servir por prazer. Muitos servem por puro interesse, quando, no fundo, os serviçais são mais sanguessugas e estão próximos do poder por causa de seus favorecimentos. Chega ser aberrante a bajulação que fazem via televisão, blogs, rádio e outros meios de comunicação.

Tudo isso para que se sintam donos do poder e para que seus nomes estejam estampados em anúncios que propagam seus nomes, e não o nome dAquele que está sobre todo o nome. Por sinal, falam tanto do nome do líder que esquecem qual é o verdadeiro Mestre.

Estamos precisando de uma reforma urgente, pois do jeito que estamos, algumas instituições ruirão e fracassarão, mas contra a Igreja do Deus vivo ninguém tem o poder de mandar, nem querer dominá-la, pois o cabeça dela é Jesus, o Cristo, nosso Salvador. Como diz a antiga letra traduzida pelo pastor Paulo Leivas Macalão e que compõe o hinário oficial das Assembleias de Deus, “Quem quer ir, por Jesus, a nova proclamar. Nos antros de aflição, misérias mal e dor? Cristãos, anunciei que o Pai quer derramar, O bom Consolador”.

Talvez poucos se alistem, pois os ganhos serão nulos. Mas a dedicação pessoal para a maior conquista de um homem de Deus foi escrita pelo sábio Salomão em provérbios: “O fruto do justo é árvore de vida, e o que ganha almas é sábio” (Pv 11.30), e o apostolo Paulo reitera dizendo: “Mas em nada tenho a minha vida por preciosa, contanto que cumpra com alegria a minha carreira, e o ministério que recebi do Senhor Jesus, para dar testemunho do evangelho da graça de Deus” (At 20.24).

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!