24 de maio de 2012

Bispo Edir Macedo chama de “ladrões” fiéis que não ofertam: “O Senhor considera roubo quando não se devolve o dízimo”


O bispo Edir Macedo publicou em seu blog um artigo sobre dízimos e afirmou que os fiéis que não doam os 10% dos rendimentos à igreja são “ladrões”.
Segundo Macedo, “tem sido muito difícil para as pessoas sem discernimento espiritual entender o sentido dos dízimos e ofertas”, pois “tocar nos dízimos significa provocar a ira do Senhor”.
De acordo com o líder da Igreja Universal, Deus considera o fiel que não oferta como ladrão: “Por que o Senhor considera roubo quando não se devolve os dízimos? Porque os dízimos são propriedade exclusiva dEle”.
Macedo explica sua tese usando referências a Adão e Eva e também à Arca da Aliança, e afirma que “tocar nas coisas sagradas é falta de temor e de respeito ao Senhor. Significa colocar-se no mesmo nível do Altíssimo. Tocar nos dízimos significa provocar a ira do Senhor. É como tocar na Arca da Aliança”, fazendo referência à passagem bíblica em que Uzá tocou na Arca para impedir que ela caísse, e como consequência, foi morto.
No final, Macedo afirma que as pessoas não desrespeitam manifestações de religiões afro por temor e que deveriam fazer o mesmo em relação a Deus: “Quem ousa tocar num despacho feito numa encruzilhada? Ninguém. Por quê? Porque há pavor de ser castigado pelas entidades. Ora, se há temor para com as coisas consagradas aos encostos, imagine com as consagradas ao Todo-Poderoso”.
Confira abaixo a íntegra do artigo “O temor nos dízimos”, de Edir Macedo:
Tem sido muito difícil para as pessoas sem discernimento espiritual entender o sentido dos dízimos e ofertas.
Por que o SENHOR considera roubo quando não se devolve os dízimos?
Porque os dízimos são propriedade exclusiva dEle.
Após ter comido do fruto da árvore da vida, Adão e Eva logo foram expulsos da presença de Deus.

Tinham direito e acesso a todos os frutos das árvores do Paraíso.
Mesmo assim preferiram desobedecer à Palavra Divina.
Por que era proibido tocar no fruto da árvore da vida?
Porque era a primícia de Deus – o dízimo.
“Davi e todo o Israel alegravam-se perante Deus, com todo o seu empenho; em cânticos, com harpas, com alaúdes, com tamboris, com címbalos e com trombetas.” I Crônicas 13.8
Havia grande festa pela vinda da Arca da Aliança.
Os bois vinham puxando a carroça com ela em cima.
Em determinado lugar eles tropeçaram.
Tentando impedir a queda da Arca, Uzá estendeu a mão e a segurou.
“Então, a ira do SENHOR se acendeu contra Uzá e o feriu, por ter estendido a mão à arca; e morreu ali perante Deus.” I Crônicas 13.7-11
Não era permitido a ninguém tocar na Arca, senão os sacerdotes.
Tocar nas coisas sagradas é falta de temor e de respeito ao Senhor.
Significa colocar-se no mesmo nível do Altíssimo.
Tocar nos dízimos significa provocar a ira do Senhor.
É como tocar na Arca da Aliança.
Por conta disso, o Senhor Deus considera ladrão os que tocam nas Suas primícias.
Quem ousa tocar num despacho feito numa encruzilhada?
Ninguém.
Por quê?
Porque há pavor de ser castigado pelas entidades.
Ora, se há temor para com as coisas consagradas aos encostos, imagine com as consagradas ao Todo-Poderoso!
Que cachaceiro é capaz de tomar uma pinga sem antes dar o primeiro gole para o “santo”?
Por quê?
Porque teme o “santo”, respeita o “santo”…
Na realidade, não quer, de jeito nenhum, desagradar o “santo”.
Neste mundo vil, os filhos das trevas têm mais respeito ao diabo do que a Deus.
Daí a razão de a maldição correr solta neste mundo.
Fonte: Gospel+
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

  1. O artigo têm vários erros de interpretação, mas podem ser propositais para torcer o que está nas Escrituras. Mas citarei apenas o que ele afirma ser o motivo da expulsão de Adão e Eva, pois todos que forem consultar a Bíblia saberão que eles foram proibidos de tocar na árvore do conhecimento e do mal o que resultou o motivo, a desobediência ao único mandamento negativo de Deus. E a expulsão foi necessária para que o homem não comesse da árvore da vida e se tornasse eternamente mal.
    Existem outros erros grosseiros neste artigo deprimente.

    Luís

    ResponderExcluir

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!