1 de maio de 2012

Pastor e 20 cristãos foram mortos neste final de semana na Nigéria

Pastor e 20 cristãos foram mortos neste final de semana na Nigéria

Terroristas do grupo radical islâmico Boko Haram atacaram ontem pessoas que participavam de um culto num campus universitário. O incidente ocorreu na cidade de Kano, norte da Nigéria.

Primeiramente, eles usaram pequenos explosivos para expulsar fiéis do local da reunião. Quando eles fugiam, em pânico, 16 foram mortos à bala e 22 pessoas caíram feridas a poucos metros da entrada.

Os atiradores escolheram a parte antiga da Universidade Bayero, onde grupos religiosos usam o teatro e outros locais para realizar seus cultos, explicou o porta-voz da polícia local, Ibrahim Idris. “Quando chegamos ao local, eles já haviam fugido em suas motos”,disse, acrescentando que dezenas ficaram gravemente feridos.

A polícia e soldados do Exército isolaram o local, enquanto tiros ecoavam pelas ruas próximas. Abubakar Jibril, porta-voz da Agência Nacional de Administração de Emergências da Nigéria, disse que os soldados não permitiram que socorristas nem jornalistas entrassem na universidade.

“Lançavam explosivos e faziam disparos, provocando muito pânico entre os fiéis. Depois os perseguiram abrindo fogo contra eles. Também atacaram outra cerimônia no complexo desportivo”, disse uma testemunha.

Os atiradores usaram pequenos explosivos colocados em latinhas de refrigerantes, método usado comumente pelo Boko Haram,que significa “a educação ocidental é um pecado”. Membros do Boko Haram também atacaram neste final de semana uma Igreja Cristã em Maiduguri, matando quatro fiéis e o pastor da igreja. A cidade é o quartel-general do grupo radical islâmico que deseja adotar a lei islâmica (sharia) em toda a Nigéria.

Diplomatas e militares afirmam que o grupo nigeriano está ligado à Al-Qaeda e outros terroristas que agem na África. O Boko Haram rejeitou várias tentativas de conversações de paz indiretas com o governo da Nigéria no passado. As igrejas vêm sendo cada vez mais alvos do grupo, que prometeu exterminar os cristãos do país.

O nome original do Boko Haram é Jama’atul Alhul Sunnah wal Lidda’wati jihad, que pode ser traduzido como “pessoas em prol da propagação dos ensinamentos do profeta e da jihad.” Mohammad Yusuf, o clérigo islâmico que iniciou o grupo cerca de uma década atrás, na cidade de Maiduguri, era contra a educação ocidental. Yusuf foi a partir do movimento Salafi, que tem alimentado o terrorismo jihadista em várias partes do mundo como uma expressão legítima do Islã.

Traduzido e adaptado de Christian Post

Fonte: http://noticias.gospelprime.com.br/pastor-e-20-cristaos-foram-mortos-neste-final-de-semana-na-nigeria/#ixzz1tdffE31H
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

  1. De certa forma, invejo esses cristãos. No país deles estão nos primórdios do evangelho. Os que decidem ser cristãos, passam por situações parecidas com os primeiros cristãos na época de Roma. Eles não tem tempo para pensar em teoria da prosperidade, compra de canais televisivos, construções de mega templos de Salomão, Davi, Golias ou qualquer outro personagem da Bíblia. Eles só tem em mente, buscar a Cristo para garantir a vida eterna. A luta deles é dura e mortal. Não é como em nosso país, que buscamos a Cristo para conseguirmos nosso carro, ou um aumento de salário, ou o sucesso na carreira. Sem falar daqueles que usam o evangelho e os evangélicos em benefício próprio. Eu chamaria de servos de Deus verdadeiros, se tivessem coragem de, hoje, embarcarem para a Nigéria e correrem em apoio de nossos irmãos que estão sendo massacrados. Será que eles tem coragem? Seria uma ótima chance de se achegarem, verdadeiramente, à Cristo. Será que o Macedo, Valdemiro, Malafaia, Terranova, O pessoal da Lagoinha, a Sonia e o Estevão, o RR Jô Soares, o José Wellington, o Mário de Oliveira e tantos outros "auto intitulados" homens de deus (tá certo a escrita, porque o deus deles não é o nosso Deus), teriam coragem para isso? DUVI DE Ó DÓ. Se alguém propuser isso a eles, com certeza alegarão que não é esse o chamado de Cristo para eles, que a missão deles é salvar as almas aqui do Brasil, que Deus levantará pessoas na Nigéria, bla bla bla. Nenhum deles tem coragem para ir para as ruas da Nigéria pregar o evangelho. Até porque eles não conhecem o evangelho. Conhecem o "business world" chamado Mundo Gospel. Aos irmãos que morreram em Cristo, meu até logo. Tenho orgulho (e inveja) de vocês. Vocês tiveram a coragem que eu não tenho. Aos irmãos que ainda continuam na batalha, peço a Deus que consigam manter a fé. O Exemplo de vocês serve como lição para nós brasileiros. Que Deus me ajude a ter a fé e perseverança que vocês possuem. Quero vê-los no céu e, mais importante, quero que me vejam lá também. Despeço-me envergonhado, pois não sei se conseguiria dizer que sou cristão, estando no lugar de vocês. Que a paz esteja convosco.

    ResponderExcluir

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!