1 de março de 2013

A mulher homossexual


Jesus, porém, foi para o Monte das Oliveiras.
E pela manhã cedo tornou para o templo, e todo o povo vinha ter com ele, e, assentando-se, os ensinava.
E os escribas e fariseus trouxeram-lhe uma mulher apanhada em ato de homossexualismo;
E, pondo-a no meio, disseram-lhe: Mestre, esta mulher foi apanhada, no próprio ato, homossexualizando.
E na lei (Levítico 20.14) nos mandou Moisés que as tais sejam apedrejadas. Tu, pois, que dizes?
Isto diziam eles, tentando-o, para que tivessem de que o acusar. Mas Jesus, inclinando-se, escrevia com o dedo na terra.
E, como insistissem, perguntando-lhe, endireitou-se, e disse-lhes: Aquele que de entre vós está sem pecado seja o primeiro que atire pedra contra ela.
E, tornando a inclinar-se, escrevia na terra.
Quando ouviram isto, redargüidos da consciência, saíram um a um, a começar pelos mais velhos até aos últimos; ficou só Jesus e a mulher que estava no meio.
E, endireitando-se Jesus, e não vendo ninguém mais do que a mulher, disse-lhe: Mulher, onde estão aqueles teus acusadores? Ninguém te condenou?
E ela disse: Ninguém, Senhor. E disse-lhe Jesus: Nem eu também te condeno; vai-te, e não peques mais. (Adaptação de João 8:1-11)
E nós, Igreja Brasileira, como temos agido? Seguimos o Mestre Jesus, ou seguimos o exemplo dos fariseus?
Voltemos ao Evangelho puro e simples,
O $how tem que parar!
Em tempo: antes que venham a me apedrejar por ter “adaptado” o texto sagrado, digo que fiz isso porque não encontrei nos relatos dos Evangelhos nenhuma passagem de Jesus com um homossexual. Assim, peguei a passagem da mulher adúltera, que cometia um pecado, segundo a Lei (Levítico 20.10), que tinha a mesma punição que o homossexualismo: a morte.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

2 comentários:

  1. Na época de Jesus se apedrejava adulteras e a adultera não ficava semi-nua marchando dizendo que tinha orgulho de si.

    Na nossa sociedade a homossexualidade está cheio de orgulho quase impondo por lei nunca mais ser classificada como pecado, doença ou qualquer coisa ruim que o seja, e não estamos apedrejando, estamos praticamente mendigando o direito de dizer a frase "não peque mais".

    Que ruim de vista que você pareceu estar nesse artigo profundamente as avessas do espirito da nossa sociedade, hein?

    ResponderExcluir
  2. Jesus Cristo após todos os outros pecadores irem embora disse para a mulher: Vai e não peques mais...

    Luís

    ResponderExcluir

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!