21 de fevereiro de 2017

Carcereiro sonha com Jesus e liberta pastores da prisão, no Oriente Médio

A situação mudou depois que Jesus apareceu em sonho ao carcereiro. (Foto: iStock)
A situação mudou depois que Jesus apareceu em sonho ao carcereiro. (Foto: iStock)
Dois pastores foram levados a uma prisão secreta no Oriente Médio por serem pegos conduzindo um estudo bíblico numa igreja subterrânea. No entanto, a situação mudou milagrosamente depois que Jesus Cristo apareceu em sonho a um carcereiro.
Durante os primeiros dias na prisão, os pastores receberam um tratamento severo. "Os guardas da prisão nos espancaram brutalmente e nos perseguiram", contou o pastor Irshad à organização Bibles 4 Mideast. "Eles amarraram nossas mãos no buraco de uma barra de aço e nos forçaram a ficar numa posição difícil, enquanto nos espancavam".
Após se passarem os dois primeiros meses, eles ficaram desanimados e clamaram a Deus e oraram: "Se tivermos cometido algum pecado e iniquidade, nos perdoe e nos purifique pelo teu precioso sangue. Nos salve desta situação".
Os pastores repetiram continuamente: "O sangue de Jesus é a nossa vitória!”. Embora eles fossem torturados e recebessem apenas uma refeição por dia, eles meditaram sobre os sofrimentos de Jesus e encontraram paz.
Aparição de Cristo
Três dias depois de seu clamor, um oficial responsável pelos cárceres os visitou. "Ele pediu aos guardas para desamarrarem nossas mãos, mas a gente não conseguia ficar de pé”, um dos pastores conta.
O oficial ordenou que os guardas dessem mais porções de comida aos pastores e voltou para seu escritório. "Estávamos certos de que nossas vidas estavam prestes a ter fim, e que seu tratamento aparentemente amável era apenas um aviso disso", observou o pastor.
Eles ficaram surpresos quando viram o oficial voltar sozinho naquela noite, entrar em sua cela e se sentar no chão, ao lado deles. Ele fez algo ainda mais surpreendente — pediu uma oração. "Nós olhamos para ele com apreensão e medo", disse o pastor Irshad.
O oficial explicou teve um sonho em que viu Jesus Cristo sentado num trono com uma incrível esfera de luz girando ao seu redor. Milhões de anjos obedeciam às suas ordens. Então, Jesus ergueu as mãos e mostrou suas cicatrizes ao carcereiro.
Nas duas noites seguintes, o oficial teve o mesmo sonho. Ele começou a pensar mais sobre Jesus e pesquisou na internet algumas informações sobre ele.
Depois de três dias, o carcereiro teve outro sonho. Jesus apareceu diante dele e disse: "Meus filhos estão sendo torturados em sua prisão. Eu os libertei antes de você. Meus filhos são a menina dos meus olhos".
Resposta ao sonho
Então, o oficial rapidamente cancelou outros compromissos e correu para a prisão. Durante três dias ele permaneceu em seu escritório, mas passou a maior parte do tempo com os pastores — orando e aprendendo mais sobre Jesus e a Bíblia.
Até que, finalmente, ele aceitou Jesus como seu Salvador e Senhor.
"Nesse período, o oficial preparou nossos papéis de liberação para encaminhar à corte. Inicialmente, os documentos foram rejeitados pelo tribunal. Ele continuou defendendo fortemente o nosso caso e dentro de dois dias fomos libertados", conta o pastor.
"O oficial nos tirou da cadeia e nos levou para sua casa, onde celebramos e oramos juntos. Quando terminamos de orar, ele pediu para ser batizado", Irshad relata. O oficial foi batizado junto com outros dois detentos, evangelizados na prisão.
Antes que o oficial se separasse dos pastores, ele fez um aviso. "Continuem sua grande obra para o Senhor. Mas vocês devem ter cuidado de manter tudo o que fazem no ministério em secreto. As autoridades governamentais, as autoridades religiosas, os tribunais e a polícia não aceitarão vocês e suas obras. Mas o Reino de Deus está próximo e nós temos toda uma eternidade. Então continuem seus esforços".
O pastor Irshad está profundamente grato pelo cuidado de Deus. "Nosso Senhor Jesus Cristo é digno de ser louvado. Toda glória e honra a Ele!”.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE GOD REPORTS
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!