11 de janeiro de 2012

Apostasia, Avatar & Cia.

 

         No início de 2011, após um almoço, em casa da filha Rose, meu genro foi buscar um filme para a família assistir na tarde do domingo, enquanto aguardávamos a hora de ir ao culto vespertino, numa igreja metodista, cujo pastor é meu amigo. 

         O filme alugado foi "Avatar", o qual me deixou "adoecida". Durante um mês, tive a mente intoxicada pelas cenas de paganismo e crassa idolatria mostradas no filme. O "Avatar" me deixou realmente traumatizada, muito mais do que fiquei com outro filme igualmente perigoso - "Conversas com Deus", também visto em casa da filha, em 2009. Quase todos esses filmes de cunho religioso fazem propaganda da Nova Era.

         O filme "Avatar" tem sido uma pedra de tropeço na vida de todo cristão que o assiste. Mesmo um estudioso da Bíblia, com um grau de mestrado - e até de doutorado - pode ser apanhado nas malhas diabólicas de filmes deste naipe, os quais enfraquecem tremendamente a fé salvadora em Jesus Cristo, pregando "outro" ou nenhum "jesus"...

         No "Avatar", os personagens adoram uma árvore e se comunicam com espíritos (demoníacos, claro), dentro de um perigoso contexto de crasso panteísmo, englobando o animismo e todo tipo de religião primitiva. Lembro-me da cientista incrédula, que acaba se convertendo à religião panteísta, uma cena através da qual o autor da trama pretende convencer que tudo é Deus e tudo conduz a Deus.

         Já não bastava o Hinduísmo trazido aos Estados Unidos e dali exportado às igrejas pentecostais e/ou "avivadas" das Américas, agora temos o Panteísmo e, dentro em breve, é possível que os pentecas estejam chamando o Senhor Jesus Cristo de "avatar" ou "guru indiano".

         Mel Gibson apresentou em seu filme "A paixão de Cristo"cenas de tal violência que os cristãos que o assistiram ficaram convencidos de que Cristo nos salvou exclusivamente através dos açoites recebidos  e não pela Sua própria vontade, num ato de inexcedível amor. Quem viu o filme jamais poderia imaginar que a morte de Cristo fora programada antes da fundação do mundo, quando Ele decidiu, voluntariamente, Se oferecer como o Salvador da humanidade pecadora. Pela onisciência divina, Cristo já sabia de tudo que iria acontecer, antes mesmo da criação do mundo.

         Aos cineastas americanos, alguns deles falsos cristãos a serviço do "deus deste século", deveríamos dar as costas, boicotando suas produções "religiosas". Hollywood é a grande porta-voz de Satanás no contexto mundano, pervertendo, através da idolatria, do paganismo, da imoralidade e do homossexualismo, todos os que são viciados em filmes.

         Brevemente, os cristãos bíblicos serão proibidos de expressar a verdade, na Internet. Por isso, sugiro que vocês façam um bom arquivo dos textos de autores confiáveis (como os do site Espada e os Chamada da Meia Noite, por exemplo), dos quais possam dispor, futuramente, nos dias da perseguição que parece estar se aproximando. A liberdade de expressão do Cristianismo bíblico parece estar chegando ao fim. Tudo leva a crer que os governantes mundiais se tornaram reféns da ONU, a qual é liderada por forças ocultistas, não lhes restando alternativa alguma, que não seja a de obedecerem às ordens superiores dos líderes ocultistas que governam  mundo.

         Hans Kung, Taillard de Chardin e outros "teólogos" católicos estão na crista da onda, junto com o papa Ratzinger e uma miríade de altos dignitários da ICAR, com o objetivo de apresentar a nova Religião Mundial, ou seja, uma religião da Nova Era, na qual o "cristo" cultuado será um "avatar", ou um "guru", e todos os homens se tornarão deuses. Seria bom atentarmos no que Jesus nos preveniu, conforme Mateus 7:15-23: "Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos?

Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus. Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons. Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo. Portanto, pelos seus frutos os conhecereis. Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas? E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade".

            Quem lê e se aplica a Romanos 1:21-25 fica imunizado contra toda propaganda feita na mídia, em favor da imoralidade e do homossexualismo. A única religião que prega a VERDADE que liberta do engodo religioso é o Cristianismo Bíblico. As outras são como a sopa de ontem, a qual foi esquecida fora da geladeira e azedou, servindo apenas para ser jogada no lixo.

 

Mary Schultze, 10/01/2012 - www.maryschultze.com

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Um comentário:

  1. Tá falando serio?!
    Pohan! Achei bem retrogrado esse texto...

    O problema está no filme ou na falta de educação (em todos os sentidos) dos jovens q assistem?

    se for na questão da educação, a culpa não é do filme, mas nossa!

    beijos nas nádigas de todos!

    ResponderExcluir

Comenta! Elogia! Critica! É tudo para o Reino!

Considere apenas:
(1) Discordar não é problema. É solução, pois redunda em aprendizado! Contudo, com modos.

(2) A única coisa que eu não aceito é vir com a teologia do “não toque no ungido”, que isto é conversa para vendilhão dormir... Faça como os irmãos de Beréia e vá ver se o que lhe foi dito está na Palavra Deus!
(3)NÃO nos obrigamos a publicar comentários ANÔNIMOS.
(5) NÃO publicamos PALAVRÕES.

“Mais importante que ser evangélico é ser bíblico” - George Knight .

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Visite

Seguidores

Google+ Followers

+


Comentários em Artigos!

Total de visualizações

Blogroll

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Marcadores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

top social

WebEvangelistas -Google+

top navigation

Siga por e-mail

Blog Archive

Pesquisar este blog

Teste Teste Teste Teste

Marcadores

Anuncio!!